IR 2015: Receita de olho em fraudes na dedução de domésticas

IR 2014 - Dedução da empregada domésticaÓrgãos do governo estão fechando o cerco às fraudes nas informações enviadas por cidadãos e empresas. Um dos itens utilizados nesse trabalho é o Sistema Público de Escrituração Digital, o SPED, que cruza os dados repassados pelos contribuintes com as declarações de clientes, fornecedores e empregados.

Nessa busca por ações fraudulentas, a Receita Federal identificou uma prática envolvendo emprego doméstico. Pelo menos 502 contribuintes citaram a mesma empregada doméstica em sua declaração de renda. A profissional foi utilizada como forma de gerar dedução no imposto.

Segundo a Receita, um profissional que elabora declarações adotou o mesmo número de identificação do empregado doméstico. Todos os clientes desse profissional tinham dedução de IR pela mesma empregada doméstica.

Também foram localizados clientes de um mesmo contador que apontavam pagar pensão alimentícia. Nesse caso, as ferramentas da Receita apontaram que 90% das pessoas que se utilizaram daquele contador para preencher a declaração apresentaram dedução do IR em razão de pensão, quando a média nacional é de 6,5%.

Cerca de 280 mil contribuintes serão chamados a dar explicações ao Fisco. Suspeitas nas declarações entre os anos de 2012 e 2014 geraram essas notificações.

1 responder
  1. jose da silva pessanha
    jose da silva pessanha says:

    Muito bom os esclarecimentos.
    Sugiro a Idoméstica desenvolver um aplicativo para facilitar a os empregadores quando da escrituração do Imposto de renda do ano que vem, sem a necessidade de ficar buscando cópia de recibos de INSS, etc.
    Pessanha.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.