São Paulo: Alckmin sanciona piso regional

Mínimo para domésticas passa para R$ 600. Vigência a partir de 1º de abril.

O governador Geraldo Alckmin sancionou nesta sexta-feira (1), o projeto de lei aprovado pela Assembléia Legislativa de São Paulo, que reajusta os valores do piso regional paulista em três faixas distintas: R$ 600, R$ 610 e R$ 620.

De acordo com matéria publicada no Portal do Governo de São Paulo, os índices de reajuste aplicados foram de 7,14% para a primeira faixa salarial; 7,02% para a segunda e 6,9% para a terceira. Os novos valores foram estabelecidos de acordo com grupos de ocupação.

As empregadas domésticas, babás e outras ocupações da categoria dos domésticos foram beneficiados com o maior reajuste. Atualmente recebem R$ 560 e, com o reajuste de 7,14%, passam a receber R$ 600.

Os novos valores entram em vigor a partir de hoje, 1º de abril, conforme determina o governo.

Os novos valores serão pagos em maio

Os novos valores irão compor a competência (mês trabalhado) 04/2011, cujo pagamento vence em maio.

INSS

Com o reajuste, o recolhimento calculado com base na primeira faixa passa de R$ 112 para R$ 120.

Anotação da Carteira de Trabalho

Sempre destacamos em nossos artigos a importância de manter a carteira de trabalho da empregada doméstica em dia. Veja como fazer corretamente a anotação do novo salário mínimo na CTPS

Aumentado em 01/04/2011 Para  R$ 600,00
Na função de a mesma...................
CBO ...........  por motivo de reajuste
do piso regional......................

Assinatura do empregador

Para fazer as anotações, procure a opção “Alterações de Salário” na Carteira de Trabalho.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.